10 de dez de 2005

Adeus, ó Janaína!

Quando você chegou pra mim, eu fiquei super feliz. Afinal, era a primeira vez que eu fazia aquilo. Inclusive, à época, todo mundo tinha um pouco de inveja de mim. Você era a mais linda de todas.

Mas bastou um bolso folgado e um momento de inconseqüência pra você ir parar na mão de outro, e depois ir pra sarjeta. Eu tive que te bloquear.

Depois, você voltou com uma nova roupagem. Eu gostava de você, e por isso quis você de novo. E, novamente, eu fui muito feliz. Você não dava nenhum problema pra mim.

Só que você quis ir nadar no mar de Salvador. E morreu afogada. E eu senti sua falta de novo.

Mas resolvi tentar mais uma vez. E você veio, com uma terceira roupa. Tudo ia bem, apesar de você ter perdido um pouco a habilidade de soletrar. Não faz mal, você era como foi das outras duas vezes.

Então, você passou a ter problemas mentais. Dormia do nada, sem a menor explicação, e só acordava quando alguém lhe dava um choque. Isso sem contar as vezes em que você se descuidou e deixou que outros te copiassem. Quando finalmente tentei resolver as coisas, aí você enlouqueceu de vez, e nem falar mais comigo fala.

Portanto, Janaína, me desculpe. Você não serve mais pra mim. Vou te trocar na segunda por uma Célia Lúcia. Enquanto isso, a minha mãe indicou a amiga dela, a Simone, e ela está quebrando o maior galho pra mim.

Vou sentir saudade de quando eu comprei uma roupa prateada pra você. E quando você inventou de fazer esportes radicais, como bungee jump sem elástico e natação de toalete. Tivemos bons momentos, mas é chegada a hora da separação.

Adeus, ó Janaína!

4 comentários:

Gustavo Rauber disse...

Né por nada não, mas a Célia Lúcia parece ser lésbica, se é que você me entende.

rocks disse...

A Graziela também não estava se dando muito bem comigo. Por fim foi clonada, aí tive que arrumar outra, mas parei com essa viadagem de dar nome. :P

Bruno disse...

Candians,

Se vc ganhar um iPod de natal, chama ele de Fernando Guilherme para fazer par romantico com a Celia Lucia :-)

Ana disse...

Nomes de celulares.
O meu ainda não tem, mas tô pensando seriamente em chamá-lo de Clark Gable.

Que pena. Eu achava a Janaína tão simpática...