16 de jan de 2006

Eu Preciso Chorar

Chorar não é sinal de fraqueza. Au countrair: o choro não só mostra firmeza de espírito como o fortelece. Explanemos.

Todos nós, mortais, cuja capacidade mais invejada pelos deuses é a de sentir emoções, temos naturalmente uma carga de tristeza para "usar" na nossa vida. Mais ou menos como se a gente tivesse que distribuir pontos negativos para as nossas habilidades -- pra usar um linguajar digno de RPG. Desafio qualquer deus ou humano a me indicar um único homem ou mulher que não teve uma boa dose de momentos ruins na vida. Mesmo que esta tenha sido curta.

Não é uma questão de pessimismo. Não que aqueles momentos em que tudo parece estar certo e no lugar sejam uma pura ilusão, não, claro que não. Estes são importantíssimos também, e são tão reais quanto o nosso próprio nariz. O ponto é ter consciência da nossa fatia cabisbaixa, e estar preparado para enfrentá-la.

Assim sendo, quem chora muito abaixo da média é porque cria uma falsa fortaleza ao seu redor. Um castelinho de areia. Há pessoas fortes, sem dúvida há. Mas mesmo essas ainda são humanas. E estão sujeitas às mazelas do mundo, da vida e do amor. Por isso, quem chora é que é forte: mostra que é humano. Que está preparado pra enfrentar qualquer revés. E que não tem vergonha de admitir a sua própria humanidade.

Há mais: quem fica sem chorar por muito tempo, invariavelmente vai minando seu próprio castelinho de areia. As ondas do mar, salgada como as lágrimas, vêm pouco a pouco escavando as bases, as fundações; a areia tenta em vão se sustentar e, de repente, a fortaleza tomba. E aí entra o lado humano novamente.

Talvez seja por esses motivos que há ocasiões nas quais choramos por um motivo besta. É a faxina do corpo impregnado.

Lágrimas... Apesar de salgadas como o mar, são limpas como a água de uma cachoeira. Lavam a alma. E é por essa razão que, às vezes, quando uma coisa muito ruim acontece na nossa vida, choramos, choramos e choramos até emagrecermos; e aí chega um momento em que o choro não vem mais. Como se as lágrimas tivessem secado. Mas é melhor encarar de outra forma: é como se já estivesse tudo limpo. Tanto é que, invariavelmente, quando o choro cessa, nos sentimos melhor. Mesmo que relutemos a admiti-lo.

Humanos que somos, choremos, pois. Afinal, se nos fosse poupada a tristeza, nos seria poupada também a alegria.

(...)
You know love will sometimes make you cry
So let the tears go they will flow away
For you know love will always let you fly
How far a heart can fly away

Amarantine
Amarantine
Amarantine
Love is always love
- Amarantine [Enya]


7 comentários:

Gude disse...

"E então Deus disse: 'Vá pequena criatura. Vá viver um infinitesimal da eternidade. Depois volte, e me transmita as emoções que sentiu.'"

So be it. :)

Ana disse...

Concordo contigo, Gude.

Pessoas que não choram ou não riem, que não se abrem, não se entregam, se controlam demais.
Elas podem ser tão duras com os outros quanto já são com elas mesmas. Tratam as emoções por fraquezas.

Eu penso que o verdadeiro fracasso é não ter emoções.

rocks disse...

Eu só quero saber de chorar!

Anônimo disse...

chorar é a melhor forma de limpeza mesmo. Mostrar os sentimentos é a melhor forma de se relacionar. Gostei muito do que vc escreveu. bj
Carol Dantas

Gude disse...

Ei Carol! Que legal saber que tenho mais uma leitora. :)

Volte sempre, moça. Beijo!

Mila disse...

Que bom que eu sou mulher e tenho TPM pra facilitar minha fragilidade e meu choro.
:P
Dei uma "scaneada" em todo o seu blog e gostei bastante.
Vc é uma figura bem interessante...
Beijos!

Christiano Candian disse...

Oi, meu amor!

Nada mais apropriado do que fazer um comentário no post onde você fez o primeiro contato comigo. :)

Talvez fosse mais apropriado fazer isto em 22/02, porque aí o teríamos 4 meses seguidos para comemorar coisas no dia 22.

Bom, sem enrolar mais:

Você me daria a honra, o privilégio e o prazer de ser o seu marido para sempre?

Eu já sei a resposta, mas é só pra formalizar! :*

Me liga quando ler isso, não importa que hora for. Quero ouvir a sua reação.

Te amo, para sempre!

Beibo =)