14 de jan de 2007

Eu sei, eu sei...

Tenho fabricado poucos trapos. Mas há razões para isso.

Falta de inspiração é a primeira delas. Sei que a infrequência de trapos novos é chata, porém, tenho por princípio escrever apenas com qualidade. Trapos muito frequentes implicaria em trapos ruinzinhos. E a falta de inspiração contribui para isso. Sem idéias, sem trapos. Mas tudo bem. Algum dia uma idéia inspiradora virá.

Tenho trabalhado muito, também. Isso é um pouco ruim, confesso. Trabalho até umas 20h, todos os dias. Depois, fico meio cansado de computador. E também com a mente cansada. Ela volta todas as suas forças para a recuperação, ao invés da criação. É como no futebol: não dá pra fazer jogadas bonitas sem ter a posse de bola. E, depois do trabalho, meu cérebro tende a ser retranqueiro.

Também tenho usado o meu tempo livre em outras coisas. Alguns podem pensar que o fato de agora ter uma namorada (a mais perfeita do mundo, por sinal) toma uma boa parte do meu tempo. É, em parte é verdade, mas mesmo namorando ainda tenho um bom tempo livre, e tenho usado este tempo para jogar, por exemplo. Ou, nesse caso, re-jogar: Final Fantasy VI. Quem jogou sabe porque este título merece ser jogado novamente.

Enfim. Deve haver mais razões, mas não estou com tanto tempo, ânimo e/ou inspiração para lembrar delas. Minha cabeça anda fervilhando de idéias, mas nenhuma tem a ver com a insanidade deste espaço. Desculpas pedidas aos leitores. Porém, talvez surja alguma coisa no meio desse turbilhão. Ou "turtrilhão".

Hmmm. Melhor parar por aqui.

PS: Filmes, sites, clipes, empreendimentos, músicas, poemas. Algumas dessas coisas. Algumas.

5 comentários:

Mila disse...

Obrigada pela parte que me toca.
:D
O parágrafo que começa com "enfim" ilustra bem sua fadiga pelos erros de digitação.
:P
Beijos!

Gude disse...

Erros corrigidos. :D

:*

CAITIF disse...

vamos torcer pra ter basquete amanhã

Ana disse...

ou turmilhão!

CAITIF disse...

p.s.: Trapos não se frabricam... eles nascem prontos